Oficina para alunos de teatro dos centros da Juventude

Os estudantes terão a oportunidade de ampliar o olhar para a linguagem audiovisual e de novas mídias

AGÊNCIA BRASÍLIA* | EDIÇÃO: MÔNICA PEDROSO

Com o objetivo de ampliar o olhar dos jovens na linguagem audiovisual, a oficina Olhares terá duração de 16 horas e vai promover um espaço de troca, diálogo e aprendizado com profissionais de produção, atuação, edição, roteiro, fotografia e novas mídias.

Idealizada por Adilson Diaz, professor de teatro das unidades dos centros de Juventude (CJs), a oficina terá início nesse sábado (13) trazendo para perto dos jovens sete profissionais que atuam no cinema brasiliense e que vão compartilhar com os alunos algumas frentes de atuação do seguimento com os seguintes olhares: atuação (Marcelo Pelucio), edição e montagem (Leandro G. Moura), direção e roteiro (Zefel Coff), direção e novas mídias (Thiago Foresti), fotografia (Joanna Ramos), linguagem cinematográfica (William Alves) e produção (Cristiano Vieira).

Os encontros serão realizados nos dias 13, 14, 20 e 21 deste mês, no formato on-line e abertos para os alunos de todos os módulos de teatro dos centros de Juventude.

Cronograma da oficina Olhares

Os dias e horários abaixo terão atividades conduzidas pelo professor Adilson Diaz e pelo ator e pedagogo Marcelo Pelucio, com a participação de profissionais das áreas descritas conforme a listagem.

-13 (sábado)- 10h às 12h

-13 (sábado) – 14h às 16h

Às 15h – Leandro G. Moura – Edição e montagem

-14 (domingo)- 10h às 12h

-14 (domingo) – 14h às 16h

Às 11h – Cristiano Vieira (Diez Estúdio) – Produção

-20 – 10h às 12h

-20 – 14h às 16h

Às 11h – Joanna Ramos – Direção de fotografia

Às 15h – Thiago Foresti – (Forest Criações) Direção e novas mídias

-21 – 10h às 12h

-21 – 14h às 16h

Às 15h – Zefel Coff – Direção e roteiro

* Com informações da Sejuv

Oficina para alunos de teatro dos centros da Juventude